Análise Andréa Fontes - Do Outro Lado - 2012

              Uma das poucas representantes da música pentecostal que continua na MK Music lança seu novo álbum intitulado “Do outro lado”. 

Com seu estilo único de ministração, André Fontes alcança a marca de 22 trabalhos na sua carreira de 30 anos, trazendo ao ouvinte, o estilo pentecostal, que foram deixados de lado nos seus dois últimos trabalhos.
Para produção musical, 3 maestros dividiram suas produções nas 12 faixas. Melk Carvalhêdo que tem sido maestro da cantora em diversos álbuns, Rogério Vieira que também já tem experiência com a cantora, além do Wesley Ross que estreou com a cantora gravando inclusive a música de trabalho.
http://1.bp.blogspot.com/-w9BbA0_-o6g/T5DVlFkmSqI/AAAAAAAAB6o/LpuCo8uvNFo/s400/AF.jpgO responsável pelas fotos foi o fotógrafo Ronaldo Rufino, que trouxe um encarte muito criativo, com um cenário bastante colorido e alegre. A criação e arte ficaram á cargo da MK.
A faixa de abertura da seleção é Chegar Do Outro Lado , autoria e produção de Wesley Ross que também foi o single disponibilizado pela gravadora antes do lançamento, na qual obteve bastante aceitação do público. A melodia foi bastante condizente com o tema. No auge da melodia, é notável a grande atuação do contra baixo, nos riffs executados pelo Rogério dy Castro.
Primeira participação do maestro Melk, Deus Vivo  , regravação de autoria de Edison Coelho teve uma nova roupagem melódica que modernizou toda estrutura da música. Em alguns vídeos de apresentação da cantora nas igrejas, em sua maioria a vemos cantando essa canção, pois foi um grande estouro na época do lançamento dessa composição.
<b> Dias Maus </b> nos leva á um momento de conforto e sossego. Com uma melodia suave que mescla o estilo sacro e sertanejo juntamente com uma letra forte de ensinamento. Relata que não devemos contar nossas dores e lutas para todos, pois ninguém pode nos ajudar além de Deus. Quando surgir esses momentos, devemos nos trancar no quarto e apenas orar á Deus.
Sanfonas e instrumentos de sopro introduzem o primeiro forró do set list, Mulher Vitoriosa é um forró com destaque para a composição da letra, que mostra a importância da mulher vitoriosa, que é ungida por Deus para vencer as dificuldades.
Composição de Sílvio de Araújo, O diário nos traz uma letra bastante criativa, destacando principalmente as rimas do refrão. São letras difíceis de serem encontradas, pela dificuldade na junção e concordância das palavras. É uma das músicas mais vistas deste CD no Youtube.
Rogério Vieira começa sua participação no álbum, trazendo uma introdução breve de violão com solo de guitarra, dando lugar ao teclado executado pelo próprio produtor, Eu não abro mão  mostra-nos que não devemos abrir mão das nossas bênçãos, e que as fases ruins na vida são passageiras.
Com uma introdução semelhante da música Advogado Fiel da Bruna Karla,  Perto do Fim  é uma faixa de agradecimento á Deus por encontrarmos ele na nossa vida, e mesmo errando nos perdoa.
No mesmo estilo de “Batismo no Ônibus”,Pague água, luz e aluguel é típico dos trabalhos da cantora. A música começa com ministração da cantora, profetizando que Deus é o mesmo hoje e sempre. A letra conta a história da dificuldade de um pastor manter a igreja com todas as contas pagas. Seu pai era rico e falava diversas línguas, certo dia ele foi á igreja de seu filho e encontrou uma mulher humilde falando o culto inteiro em japonês para que ele pagasse a luz, água e aluguel. No fim da história, o pai do pastor que era budista acabou se convertendo, pagou as contas da igreja e Deus foi glorificado.
Palavra de Jeová  e Você tem Direito tem em sua essência, a motivação para que venhamos continuar seguindo em paz com Jesus que muda nossa vida , e que devemos declarar que temos direito de vencer na nossa vida.
No estilo sertanejo nordestino, e com grande destaque para o Back Vocal formado por Janeh Magalhães, Cleyde Jane, Fael Magalhães e Adiel Ferr que acompanha a cantora em toda a extensão da música,Jesus o Vencedor  retrata que quem andava nas trevas está vivendo na luz, e que o diabo perde e Jesus vence.
Em ritmo e ambiente de encerramento,  Grite  nos motiva á gritar sem cessar o nome de Jesus para que ele venha ser glorificado e nos abençoar. A introdução ficou bastante diferente, com efeito de teclado pouco comum de ser utilizado.
Sem dúvidas foi um dos melhores trabalhos da sua carreira, com algumas mudanças como a mescla de produtores, e a estréia de Wesley Ross que tem sido bastante cogitado pelas pentecostais, após gravar o CD da referencia da maioria das cantoras do ramo, que é Shirley Carvalhaes.
Em comparação aos seus dois últimos trabalhos, Andréa Fontes trouxe um repertório bastante atual, mas no seu estilo pentecostal, que deu origem aos seus 30 anos de carreira.  Temas e ritmos variados não deixaram com que o CD ficasse enjoativo de se ouvir.
Share on Google Plus

About redeportal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

:)